30 de jun de 2010

*/*


O blogueiro, jornalista, escritor e desbravador das ruas da França, sonhador e realizador.


E apesar de tudo ele sonha, sonha e sonha, por que na terra dele a gente era obrigado a ser feliz. Morrendo de saudades desse espaço e da blogosfera. #sory

28 de jun de 2010

Muito Obrigado


Apesar do atraso, meu muito obrigado a todos os que contribuiram para que isso acontecesse, e me desculpe pela a ausência, prometo voltar mais vezes... Bjus Atrevido e Meio®
Eu não mereço mas agradeço...

Calvin ♥



22 de jun de 2010

¬Off..


Se eu ganhasse na loteria,
compraria dez linhas
de telefone
e me desligaria do mundo...

Elias José (Sonhos)

Veja e Leia



“Não me prendo a nada que me defina. Sou companhia, mas posso ser solidão. Tranqüilidade e inconstância, pedra e coração. Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono. Música alta e silêncio. Serei o que você quiser, mas só quando eu quiser. Não me limito, não sou cruel comigo! Serei sempre apego pelo que vale a pena e desapego pelo que não quer valer.”

~ Clarice Lispector ~
 

18 de jun de 2010

Luto Intelectual

"Não tem como escapar do clichê: O mundo ficou mais burro e mais cego hoje" (F.Meireles sobre a morte de Saramago)


Made In @MimaCintia

Não importa quem...



17 de jun de 2010

Vai passar...

“Inconscientemente, parecia querer buscar em autores, filmes e músicas, algum tipo de consolo. Como se alguém precisasse chegar bem perto de mim, colocar um das mãos em meu ombro e dizer que aquilo era normal. Que acontecia também com outras pessoas… E que iria passar. Que realmente a dor um dia iria passar…”

~ Caio Fernando Abreu ~




Podre

Favor não perder o seu tempo locando o seguinte filme...

Comentário.: Odeio quando eu fico ancioso para assitir a um filme e quando consigo é uma porcaria como esse. Sinceramente eu esperava muito mais desse filme. Apesar de ter uma história interessante, o desenrolar é sem graça e o final é péssimo.
Quando eu venho achar um filme ruim, sinceramnete é por que realmente ele é ruim. #nicolascagemedecepcionou #fato


 


Guardo todos...



Lá no fundo do meu tum-tum... ♥


15 de jun de 2010

Hope/Esperança


E apesar das adversidades ele ainda teima em acreditar que tudo no final vai dar certo. O Brasil ganhará a Copa, vai passar no vestibular de Jornalismo e escrever para grandes jornais. Finalmente comprar o seu moleton e dar adeus ao frio. Encontrar o seu verdadeiro amor e junto com ela dividir os seu problemas, que já não serão tão grandes como antes. Conseguir passar em alguma seleção e começar a sua tão sonhada independência financeira. Comprar um computador, para poder blogar a vontade. Ir passer na França e conhecer a torre Eiffel. Me tornar um blogueiro reconhecido. Ele sonha, sonha, sonha... As vezes é necessário aterrisar, mas já diria o velho ditado: A esperança é a última que morre.


Conhece a ti mesmo?



Me definir poderia ser a coisa mais fácil do mundo. Me vejo em Gossip Girl, no Fabuloso Destino de Amelie Poulan, no brigadeirro quente e no balde de pipoca com Coca-Cola. Eu sou as séries que assito, os livros que leio, os amigos que tenho e acima de tudo aquilo que escrevo. Sory! Me definir é a coisa mais complicada do mundo. Confesso que nessa infidável tarefa de me definir, já me procurei até no Google. E me encontrei! Um menino atrevido com rosto feliz. Mas esse não sou eu. É o meu personagem. Já diria o filósofo "Conhece a ti mesmo..." rétorica. Talvez eu não saiba quem verdadeiramente eu sou, mas os outros sabem. Pena que o que eles sabem não é o suficiente para me definir. Xau...



Livros e Cia...

Livro de Infância:Vários de Ruth Rocha e Maria Clara Machado
Personagem que queria ser: O Menino Narigudo – Walcir Carrasco
Filme que ficou melhor do que o livro: O Código da Vinci – Dan Brow
Livro que te fez sonhar acordada (o): A Marca de Uma Lágrima – Manuel Bandeira
Livro que te fez chorar: Como Viver Eternamente – Sally Nicholls
Livro que te fez rir: O Livro de Piadas de Casseta e Planeta - Vários
Livro que mudou a sua vida: Você é Insubstituível – Augusto Cury
Livro que te causou dor: Os Miseráveis – Victor Hugo
Livro de cabeceira: Coleção Crépusculo – Stephenie Meyer
Livro comercialzão: Lua Nova – Stephenie Meyer
Querido escritor: Clarice Lispector
Sente vergonha por não ter lido: O Senhor dos Anéis, O Mundo de Sofia e tantos e tantos
Não suporta: Livros Espíritas
Para os apaixonados: Qualquer um de Caio Fernando Abreu
Livro sensual: O Doce Veneno do Escorpião – Bruna Surfistinha
Para quando quiser ficar feliz: O Pequeno Príncipe – Saint Exupery
Para quando faltar esperança: Bíblia
Livro que ganhou e nunca leu: Os últimos 6 dias de Jesus - Jamiro dos Santos
Para quando for preciso paciência: Bíblia
Livro que comprou e nunca leu: Triste Fim de Policarpo Quaresma – Lima Barreto
Biografia: Edir Macedo a Historia Revelada - Christina Lemos & Douglas Tavolaro
Para garotas: Diário de Princesa – Meg Cabot
Difícil: Assim Falava Zaratrusta – Nietzsche
Para quem gosta de escrever: A Hora da Estrela – Clarice Lispector
Leitura de teatro: Romeu e Julieta – Shakespeare
Não conseguiu terminar: A Metamorfose – Franz Kafka
Está na fila: Amanhecer – Stephenie Meyer
Livro que daria de presente: Crepúsculo – Stephenie Meyer
Pérola encontrada nos sebos: Aids e agora? - Luiz Claudio Cardoso
O que está lendo agora: O Silencio dos Amantes – Lya Luft

Amo que amo a leitura e esses são alguns dos livros que eu já li... Aproveitem como dicas...

12 de jun de 2010

Valentine's day

Era frio. Não sei dizer se fazia mais frio do lado de fora da minha blusa ou dentro do meu coração. Provavelmente competiam.

Caio Fernando Abreu
 

Mais um ano. Mudaram as estações, nada mudou... ♥

9 de jun de 2010

Very Happy

Uns confiam em carros;
outros confiam na força de suas mãos;
Uns confiam em cavalos,
Mas eu te amo! Eu te quero...


4/1


Aprovação no processo seletivo do PREVUPE/2010

Muito emocionado. T_T. Para muitos pode não ter importância, mas para mim tem uma importância sem precedentes passar no pre-vestibular da UPE. Primeiramente agradeço a Deus e em seguida a todos que acreditaram que eu poderia chegar lá. Agora é tomar vergonha, ops quero dizer posição e começar a estudar. Mas uma vez repito: O que darei eu ao Senhor, por tudo que Ele me tem feito?

Goolll...


Gol de placa, de trinvela, no cantinho, pra desempatar
É de letra, de cabeça, bicicleta, pra comemorar,
A bola vai rolar! Entre a camisa e o coração! Grito la do fundo entao,
É campeão! É campeão!
E quando ela rola, o mundo para, só na torcida sem respirar,
E quando ela passa pelo goleiro, o Brasil inteiro vai comemorar!
Comemorar! Comemorar!
The waving flag
The waving flag
 
Skank
 
 
 
 
 
 

O_o


Quem conta um conto...

Contar é muito dificultoso. Não pelos os anos que já se passaram. Mas pela a astucia que têm certas coisas passadas de fazer balance, de se remexerem dos lugares. A lembrança da vida da gente se guarda em trechos diversos; uns com outros acho que nem se misturam [...]. Contar seguido, alinhavado, só mesmo sendo de rasa importância. Tem horas antigas que ficaram muito mais perto da gente do que outras de recente data. Toda saudade é um espécie de velhice. Talvez, então, a melhor coisa seria contar a infância não como num filme que a vida acontece no tempo, uma coisa depois da outra, na ordem certa, sendo essa conexão que dá sentido, principio, meio e fim, mas como um álbum de retratos, cada um completo em si mesmo, cada um contendo um sentido inteiro. Talvez seja esse o jeito de escrever sobre a alma em cuja memória se encontram coisas eternas, que permanecem...

Guimarães Rosa.

8 de jun de 2010

O que darei eu?

Que darei eu ao SENHOR, por todos os benefícios que me tem feito?

Salmos 116:12




2 de jun de 2010

Pequenos Prazeres


Há algum tempo eu escrevi aqui no blog um texto listando os meus pequenos prazeres. E hoje escolhi alguns para comentar. Assim como Amelie Poulan sentia prazer nas pequenas coisas, eu sinto o mesmo, alguns não tão pequenos como os dela, mas que são banais isso são. Para começo quem não gosta de comer chocolate. Branco, preto, amarelo, rosa, grande, pequeno, amargo, doce, industrial, caseiro; não importa chocolate sempre será chocolate. Sinto o mesmo prazer de comer uma trufa da Cacau Show, ou um prato de brigadeiro caseiro. Ambos me liberam cerotonina, a qual tanto me faz falta. E dentro desse prazer encontra-se outro: fazer brigadeiro. Nada melhor que mexer o chocolate e vê-lo transforma-se no velho pretinho. É mara. Sem falar em raspar o fundo da panela que é o melhor de tudo.
Alguns me perguntam se tomei agua de chocalho, por que falar é comigo mesmo. Só não estou falando quando estou dormindo e olhe lá. As vezes falar demais é ruim, mas não da para ser perfeito. Não consigo ficar sem conversar. Quem me conhece sabe que além de tagarela eu amo ouvir música. Só vivo com o fone dos meus mp’s no meu ouvido. Infelizmente eles quebram prematuramente. Quando eles não funcionam servem celular de amigo, no dvd, na radio, on-line. Simplesmente ouço musicas de vários ritmos, estilos e cantores. Isso me relaxa.
Mesmo não sendo uma prática não muito comum eu amo que amo sair para a rua com os colegas, desde um simples rolé ou até mesmo fazer um pequeno lanche; me deixam bem. Estar com pessoas (principalmente da minha idade) é fugir da minha rotina de solidão. Ler! Desde pequeno eu amo ler, leio tudo que você possa imaginar: jornais, revistas, bulas e até em inglês eu estou arranhando. Eu não consigo imaginar minha vida de forma alguma sem um livro ou uma revista. Para onde eu vou carrego um livro. Adoro ler revistas da mais Cult até as de fofoca de novela. E apesar de minha cidade não possuir uma banca, sempre peço alguém para trazer da cidade vizinha e leio muita revista emprestada. Enfim quanto mais leio, mas eu descubro que preciso ler mais.
Fico até emocionado em falar o quanto amo assistir filmes, já cheguei ao caso de assistir mais de 3 filmes por dia. Sinto-me muito triste por que não posso acompanhar os filmes diretos quando saem no cinema, pois na minha cidade não possui cinema. (Talvez você esteja se perguntando se eu vivo onde Judas perdeu as botas? É quase isso), mas sempre que poço assisto tudo que vejo pela frente: menos terror. Tenho inúmeras listas de filmes que tenho que assistir, escritas na agenda. Espero assistir a todos e muito mais. Além de emocionarem e informarem ainda me divertem. I Love Movie.

Um dos meus sonhos de criança que ainda não realizei foi adquirir meu próprio computador. Pois se tem uma coisa que me proporciona real felicidade é estar na Internet. Orkut/Twitter/Blogs/Formspringme/Wikipédia/Google e tudo que tenha afins dentro da rede mundial. Hoje me sinto totalmente dependente da Internet, e digo de verdade eu não me imagino vivendo sem ela. Ela me trás a felicidade clandestina, já que os PC’s que eu uso não me pertencem. E para finalizar uma coisa que nunca me imaginei fazendo com tanta frequência, que é escrever aqui no blog. Escrever me deixa super relaxado e saber que outras pessoas vão ler aquilo que eu vou escrever me deixa muito orgulhoso. E junto com a escrita vem o blogar, e é aqui que eu me encontro entre a loucura e a sanidade: É o meu pequeno grande prazer. Claro que existem muitas outras coisas que me dão prazer, mas essas são as principais. E você? O que te deixa feliz?